Cães Filhotes – Dicas Gerais

Por que saber mais sobre o filhote?

A PremieRpet® elaborou este Manual do Filhote a partir da experiência de nossos veterinários do Centro de Pesquisas PremieRpet®. São orientações práticas para garantir saúde, bem-estar e longevidade ao novo integrante de sua família.
Aqui, você encontrará informações sobre como alimentá-lo corretamente, os cuidados de saúde e de higiene a serem tomados, calendário de vacinação, além de outras informações importantes para você e seu cão.
De qualquer maneira, é fundamental que você leve seu cãozinho regularmente ao veterinário.

Qual a velocidade de crescimento correta para o meu cão?

O ritmo de crescimento dos cães é muito diferente dos seres humanos; sua infância e adolescência são muito curtas comparadas à idade adulta. No período de crescimento as exigências nutricionais são mais altas justificando a existência de um produto específico para esta idade (até um ano de idade ou um ano e meio para raças grandes e gigantes).
Quanto menor a raça do seu cão, mais rapidamente ele atingirá o tamanho adulto. Um Poodle finaliza seu crescimento em torno dos 9 meses enquanto um Dogue Alemão cresce até os 18 meses.

O que fazer na primeira noite?

É natural que o filhote estranhe seu novo lar nos primeiros dias. Assim, é importante ser compreensivo, carinhoso e atencioso com ele neste período de transição para facilitar sua adaptação. Durante a noite, cubra-o com um pano, que pode ter sido retirado do canil e terá o cheiro de sua mãe, para que ele se sinta mais protegido. Relógios mecânicos podem simular os batimentos cardíacos maternos e ajudar na primeira noite. Evite alterar a alimentação do filhote nas primeiras semanas.
Um filhote de até 3 meses de idade costuma dormir bastante (até 80% do tempo), desta maneira evite acordá-lo com muita freqüência ou pegá-lo de qualquer maneira. Não o deixe sozinho por muito tempo ou próximo a locais barulhentos e repletos de pessoas. Não permita que crianças brinquem em demasia com ele e o tratem como um brinquedo.
É importante que o filhote tenha um canto só dele onde se sinta seguro e confortável. Este local dependerá da raça e do clima da região. Todos os cães precisam de uma cama limpa, seca e quente, além de espaço mínimo para se exercitar e fazer suas necessidades fisiológicas. Esta área deve ser sombreada e bem ventilada. Forneça água fresca e em abundância.
Uma vez que os filhotes são muito curiosos e não conhecem muito bem os perigos que o cercam, é importante restringi-los do acesso a fios elétricos, plantas, escadas e produtos de limpeza.

Compartilhe